Quoteiros | Tumblr
©

Cheguei. Chegaste. Vinhas fatigada e triste, e triste e fatigado eu vinha. Tinhas a alma de sonhos povoada, e a alma de sonhos povoada eu tinha. E paramos de súbito na estrada da vida: longos anos, presa à minha, a tua mão, a vista deslumbrada. Tive da luz que teu olhar continha. Hoje, segues de novo na partida. Nem o pranto os teu olhos umedece, nem te comove a dor da despedida. E eu, solitário, volto a face, e tremo, vendo o teu vulto que desaparece na extrema curva do caminho extremo.
tragam as estrelas
Os ombros suportam o mundo, chega um tempo em que não se diz mais: meu Deus. Tempo de absoluta depuração. Tempo em que não se diz mais: meu amor, porque o amor resultou inútil. E os olhos não choram. E as mãos tecem apenas o rude trabalho. E o coração está seco. — Carlos Drummond.

Tarde demais, a cidade adormeceu. Tarde demais, o silêncio nos venceu. E se calou só para ouvir a tristeza chorar, mais uma vez 3:30 da manhã. Fácil demais, esse vírus infectou partes vitais no meu corpo e congelou. E arrancou com duas mãos toda a vida em mim. Tarde demais, nossa história chega ao fim. E antes que aumente a dor, esqueça tudo o que passou, pra nunca mais… Tarde demais, esse tiro atravessou. Tarde demais, o meu peito acertou. E dividiu o coração, me tirando a paz perto do cais, engolindo a própria voz. O tempo vai reconstruir os pedaços que perdi, pra nunca mais… Tarde demais, pra se arrepender. Tarde demais, não sei quem é você. — LS Jack
E agora, José? A festa acabou, a luz apagou, o povo sumiu, a noite esfriou, e agora, José? E agora, você? Você que é sem nome, que zomba dos outros, você que faz versos, que ama, protesta? E agora, José? Está sem mulher, está sem discurso, está sem carinho. Já não pode beber, já não pode fumar, cuspir já não pode. A noite esfriou, o dia não veio, o bonde não veio, o riso não veio, não veio a utopia e tudo acabou e tudo fugiu e tudo mofou, e agora, José? — Carlos Drummond de Andrade 
Passado, presente e futuro devem coexistir harmonicamente na mente humana. Quando um deles é priorizado e os demais são totalmente esquecidos, surge alguma espécie de desequilíbrio, ou, no mínimo, a hipótese de que algo não esta correto, não está bem. Viva cada dia de uma vez. Não deixe de viver bem o hoje, em prol de um futuro que pode nem chegar. Se está infeliz no presente, busque motivos para se contentar com o que tem nele. Não viva sonhando com o que terá num tempo incerto que ainda nem chegou e, quiçá, nem chegará. — Machado de Assis. 
A alma da gente, como sabes, é uma casa assim disposta, não raro com janelas para todos os lados, muita luz e ar puro. Também as há fechadas e escuras, sem janelas ou com poucas e gradeadas, à semelhança de conventos e prisões. Outrossim, capelas e bazares, simples alpendres ou paços suntuosos. — Machado de Assis
A certos respeitos, aquela vida antiga aparece-me despida de muitos encantos que lhe achei; mas é também exato que perdeu muito espinho que a fez molesta, e, de memória, conservo alguma recordação doce e feiticeira. — Machado de Assis 
Os meus ciúmes eram intensos, mas curtos; com pouco derrubaria tudo, mas com o mesmo pouco ou menos reconstruiria o céu, a terra e as estrelas. — Machado de Assis
Muito prazer, meu nome é otário. Vindo de outros tempos mas sempre no horário, peixe fora d’água, borboletas no aquário. Muito prazer, meu nome é otário, na ponta dos cascos e fora do páreo, puro sangue puxando carroça. Um prazer cada vez mais raro, aerodinâmica num tanque de guerra, vaidades que a terra um dia há de comer. Ás de espadas fora do baralho, grandes negócios, pequeno empresário. Muito prazer, me chamam de otário… Por amor às causas perdidas. Tudo bem… até pode ser que os dragões sejam moinhos de vento. Tudo bem… seja o que for, seja por amor às causas perdidas. Muito prazer, ao seu dispor, se for por amor às causas perdidas. — Engenheiros do Hawaii, Dom Quixote.  
Eu sabia que tinha alguma coisa de errado comigo mas não me considerava insano. Era simplesmente que eu não conseguia compreender como é que outras pessoas tornavam-se tão facilmente irritadas, para em seguida com a mesma facilidade esquecer a sua ira e se tornarem alegres, e como é que eles podiam ser tão interessados por tudo, quando tudo era tão chato. — Charles Bukowski.
Mas, se além do aroma, quiseres outra coisa, fica-te com o desejo, porque eu não guardei retratos, nem cartas, nem memórias; a mesma comoção esvaiu-se e só me ficaram as letras iniciais. — Machado de Assis

Reblogando até o dedo doer. Aqui é lindo demais.

valeu, mano!

Ouça-me este conselho: em política, não se perdoa nem se esquece nada. — Machado de Assis 
Eu desisti do meu sonho por ela, eu queria ficar com ela e não me arrependo. A gente sonha sozinho pra depois realizar com alguém. Complicado isso. — Gabito Nunes.   
Tentar ser bonzinho me embrulhava o estômago. — Velho Bukowski.  
Se a gente puder ir devagarinho como precisa, e ninguém não gritar com a gente para ir depressa demais, então eu acho que nunca que é pesado. — Guimarães Rosa  
Que bela merda você se tornou hein.